Home > Coisologia, São Paulo > mais um em são paulo

mais um em são paulo

O paulistano precisa aprender sobre o pensamento oriental.

Existe um livro genial, chamado “Zen em Quadrinhos”, em que excelentes parábolas zen-budistas são contadas por meio de, adivinhem?, quadrinhos. É uma delícia de ler, e permite algumas reflexões geniais.

Uma dessas tirinhas pode ser adaptada para o cotidiano dos paulistanos e afins. Na tira, uma pequena e triste gota d’água fica feliz ao perceber que faz parte do oceano. A gota compreende que faz parte do todo, sendo constituída e constituinte desse todo…

Em São Paulo, diariamente, às 18h, na Marginal Tietê, milhares de motoristas ficam putos uns com os outros por estarem se “atrapalhando” mutuamente. Alguns chegam a perguntar a si mesmos, desesperados, “por que esses idiotas aí da frente têm que estar nesse trânsito? Eles pioram tudo”.

transito.jpg
Um parte vendo as outras

Acontece que os incomodados não têm a habilidade de perceber que incomodam. Eles são parte do trânsito… A presença deles aumenta a fila, aumenta o cansaço, aumenta o tempo longe de casa.

Não adianta ficar bravo com o prefeito, com o governador, com o que for, por serem poucas as vias de tráfego. Mais pessoas estão em São Paulo porque outras cidades não possuem tantos empregos. As outras cidades são inocentes, o país está construído assim. O mundo, da mesma forma, é o turbilhão que fizemos dele.

A solução é aceitar ser parte, compreender que o egocêntrico irritado é também uma parte-do-todo irritante. Diluir-se.

E, claro, agir.
Pressionar para a melhoria da cidade, do estado, do país, do mundo.
Tudo para transformar o oceano em um espelho.

Categories: Coisologia, São Paulo
  1. August 6, 2007 at 11:16 am

    Não tomar-se como parte, isso é que se pode chamar de egoísmo, não é mesmo?

  2. faggiani
    August 6, 2007 at 11:49 am

    Exatamente, Catatau.

    Falta educação para esse povo todo. Educação no sentido cívico. Entender como funciona a vida em sociedade.

    Abraço.

  3. August 6, 2007 at 12:09 pm

    Anda muito estressado ai com o trânsito?

  4. faggiani
    August 6, 2007 at 2:14 pm

    Na real, eu tenho a sorte de não pegar trânsito… quase nunca.

    Essa relação aí eu pensei, no entanto, em um verdadeiro e sacal trânsito, já faz muito tempo!
    Abraço.

  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: