Home > Arte, Ciência, Cinema, Crítica, Filosofia > Waking Life

Waking Life

“Waking Life” foi dirigido por Richard Linklater. Também diretor de “Antes do Amanhecer”, “Antes do Pôr-do-Sol”, e “Escola do Rock”, com o Jack Black. Um filme muito legal também!

Eu preciso falar sobre “Waking Life”, este filme muito mais do que extraordinário. Por sorte, consegui revê-lo dia desses e notei algo que me deixou extasiado (se bem que esse algo não tem a ver diretamente com a qualidade do filme… fique por último, pois).

Um tratamento especial foi dado às filmagens, transformando-as em desenho. Então, a película é um desenho filmado. Vocês verão algo como isso em breve, em um filme que será interpretado pelo matador-de-demônios Keanu Reeves.

“Waking Life” é pura Psicologia e Filosofia. A história é mais ou menos centrada em um garoto que está sonhando e começa a confundir os momentos de vigília com seus sonhos… Na real, não é muito possível saber se em algum momento ele está acordado… e em que momentos ele está sonhando. Qualquer certeza é mera suposição. Entre um sonho (?) e outro, o garoto entra em contato com pensadores, que dissertam sobre diferentes teorias. Fala-se de existencialismo, neurociência, inconsciente, determinismo, e por aí afora.

O diretor fez um trabalho de pesquisa intenso para produzir o filme. As dissertações estão condensadas, claro, mas são muito bem expostas e muito, mas muito interessantes mesmo. Não é possível comparar com o fraquíssimo “Quem somos nós?”, nem com o bacanex “O ponto de mutação”. “Waking life” é bem mais inteligente e divertido, meus amigos.

Assistam e babem (se você gostar de Psicologia, Física, Filosofia e críticas ao mundo tosco em que vivemos).

O ponto que me surpreendeu desta última vez foi encontrar dois dos meus personagens favoritos: Jesse e Celine. Eles estão nos filmes “Antes do Amanhecer” e “Antes do Pôr-do-Sol”. Em “Waking Life” aparecem em uma cena só, que parece mais um sonho do que uma vigília, mas aparecem sob a circustância que muitos fãs do “Antes do Amanhecer” gostariam de ver. Vou contar um pouco sobre os filmes. Talvez seja melhor você parar de ler aqui.

Em “Antes do Amanhecer”, Jesse e Celine se conhecem, apaixonam-se, vivem um dia absolutamente perfeito, mas têm que se despedir logo em seguida. No final do filme, eles combinam um reencontro… e o filme acaba, sem você saber o que acontece… Muitos anos depois, ambos retornam em “Antes do Pôr-do-Sol” e se reencontram “por acaso”. O final do filme é misterioroso como o primeiro, mas deixa entender que eles ficaram juntos. Ambos os filmes são lindos, cheios de diálogos muito bem bolados e locações belíssimas de cidades européias. Dois dos meus filmes preferidos, sem dúvida.

“Waking Life” foi lançado em 2001, depois de “…Amanhecer” e antes do “…Pôr-do-Sol”. Neste período, a produção de “…Pôr-do-Sol” já havia começado. Julie Delpy e Ethan Hawke fazem aquela pontinha esperta em “Waking Life”, talvez para deixar os fãs com água na boca.

Em “Waking Life” aparecem, como eu já disse, em uma cena só. Ambos estão na cama, depois de terem acordado e comentam alguma coisinha filosófica bacanex. Eles próprios levantam a possibilidade de aquilo ser um sonho. Agora, vejam a genialidade disso! Ambos combinam de se encontrar (em “…Amanhecer”), não se sabe o que acontece, e no “Waking Life” eles aparecem provavelmente “sonhando” que estão juntos! Dios mio! Muito sensacional!

A pergunta de ouro é: quem estava sonhando? Jesse? Celine? Ambos? Ou… o garoto do “Waking Life” que não sabe quando está acordado… e que pode ser um fã do “Antes do Amanhecer”…?

Caraca, véio!
Nem vou falar mais nada!

  1. April 20, 2006 at 12:13 pm

    Nem sabes, mas salvaste a minha vida! Uia! Esses tempos, o Luther King pegou antes do Pôr-do-Sol para ver. Como não tinha visto o segundo, não assisti. Mas a gente tava zapeando e viu essa cena dos dois desenhados na cama e ficamos sem entender nada, pq não sabíamos de que cena de que filme se tratava. Agora, meses depois, eu descubro a VERDADE! Uia, de novo! Como eu ia morrer sem entender isso?

  2. Alexandre
    July 29, 2006 at 9:41 pm

    Cara onde eu consigo uma cópia dessa animação? eu trabalho com animação, tenho um estudiozinho bem fuleira e pequeno e estou fazendo umas coisas interessantes. Mas agora quero ver esse filme

  3. March 20, 2007 at 12:48 pm

    Bem ,sobre o filme.. naum tenho comentários.. acho ki eu assisti pelo menos umas 20,30 vezes..
    amo..
    Colokei trechos daki no meu fotolog…
    Soh para constar…
    Eh isso…
    Bye..

  4. Rafael Côrtes
    October 27, 2010 at 9:23 am

    3 anos depois, mas antes tarde do que ….

    este filme é sem dúvida uma das melhores fontes de inspiração, digo, ele proporciona um senso de auto-crítica sobre as coisas, acima de tudo os diálogos passam uma iniciativa interessante, análise de questões existenciais etc…

    bom, é difícil resumir, certo que deve entrar p aquela lista dos filmes que se deve assistir antes de morrer. há ! (sem exagero)

  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: