Home > Crônica > Um milhão de coisas podem ser ditas

Um milhão de coisas podem ser ditas

Um milhão de coisas podem ser ditas, mas quais realmente serão?
De uma vasta paisagem, de onde montanhas imponentes descansam sob um céu anil, e alguns pássaros voam rasantes sobre maravilhosas árvores na margem de um rio, desta vasta paisagem, sobre o que você falaria primeiro?
Qual a primeira palavra para descrever aquele seu amigo?
E o seu amor?
Você fala para os outros que está com sede?
Você confessa que no fundo do seu coração torce para o Corinthians?

Um milhão de coisas podem ser ditas, mas quais realmente serão?
Lá está você, em um bar bacana, uma música empolgante envolve o lugar, e você vê, descendo as escadas, um objeto de desejo carnal e, quem sabe, romântico, e a pessoa desce e mesmo em meio ao cheiro nauseante do cigarro você sente o perfume, e vê aquela boca, e seu coração bate forte, muito forte mesmo, e você primeiro toma coragem para decidir se deve dizer algo, então quando finalmente se aproxima excitado… o que você diz?
Enganaram você, o que você diz?
É uma questão importante, você não pode ficar calado, mas se falar pode se prejudicar muito, o que você faz?

Um milhão de coisas podem ser ditas, mas quais realmente serão?

Categories: Crônica
  1. Tsu
    March 25, 2006 at 11:26 pm

    só aquelas coisas que são convenientes…as mentirinhas sociais

  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: