Home > Filosofia, Literatura, Psicologia > Preconceito

Preconceito

Eu confesso: eu sou um preconceituoso. Estou passando por uma lavagem cerebral de linguagem científica e deixando de lado qualquer coisa que não se encaixe nisso. Devo dizer, em minha defesa, que pelo menos meu cérebro está ficando bem limpinho, longe de toda aquela bagunça acientífica.

Daí, tinha o psicótico que pegava do chão papéis que forram cigarro e escrevia neles frases biblícas. Em seguida, distribuía-os no metrô. E todos jogavam os papéis fora, essa gente… Segundo a psicanalista que descreveu o caso, o psicótico apresentava um sintoma típico de dualidade ao unir dois absolutos, o sagrado e o profano.

A pergunta que não quer calar: Quem disse que um é sagrado e outro profano, o sujeito ou a interpretação da psicanalista? Quem criou a dualidade?

Responda corretamente e ganhe um psicanalista totalmente grátis.

  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: