Home > Uncategorized > Rei de Um

Rei de Um

A vida tem mil coisas
Confusas e incontroláveis;
Um caos magnético
De fatos belos ou sujos.
Às vezes parecemos peões…
Aceitamos cabisbaixos
As viradas insensatas
Do que julgávamos certo.
Isso é falso:
O descontrole é ilusório
Como o controle.

Das mil coisas da vida
Eu governo uma:
A que molda todas.
Meu castelo sou eu,
Sou meu rei.
Assim faço o mundo,
Pois o mundo passa por mim
Antes de se tornar vivo.
Rei de Um:
O que importa mais
E constrói a vida.

Categories: Uncategorized
  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: