Home > Geral > Por cima da última onda

Por cima da última onda

Eu gosto de fins de anos. A magreza do mundo desaparece, ele fica rechonchudo e simpático. Dá vontade de afagar os cabelos gelados e abraçar esta criança desembestada.

Estou na última onda do ano. Não quero que mais nada aconteça. Já deu. Este ano foi intenso, quero descansar. Torço pela cama, filme e pipoca até que 2005 siga os fogos até minha mente. Quando ele pousar na minha testa eu vou pular ensandecido mundo afora. Ah, vou!

2005 é o ano em que grandes coisas se definem! Preciso recebê-lo bem, dizer que espero dele apenas um dia depois do outro, que o resto ele pode deixar comigo, pois vou fazer tudo sozinho. Só preciso mesmo de um dia depois do outro. Ano que vem é o segundo ano da matéria (quem é leitor antigo sabe que 2004 foi o primeiro).

Agora vou acender o isqueiro e queimar os fios soltos. “Lá vai ele, por cima da última onda”.

Ainda preciso falar deste ano, não é? Não é justo não dar um adeus adequado. Sinto-me obrigado a escrever uma retrospectiva 2004. Está combinado. Assim que estiver escrito eu publico. Vou deixar mais para o final do ano, vai que acontece algo maluco…

Categories: Geral
  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: